Êêê Luanda, êêê Luandê

Êêê Luanda, êêê Luandê

Eu passava numa feira
Quando uma velha chamou
No braco tinha uma estatua
De um velho pensador

Êêê Luanda, êêê Luandê

O simbolo de Angola
Todos carregam no peito
A daquele ou aquela
Que falta com o respeito

Êêê Luanda, êêê Luandê

Eu nunca vi Luanda
Mas predento conhecer
Meu mestre conhece bem
So de contar me faz viver

Êêê Luanda, êêê Luandê

Se Luanda fosse perto
Todo dia eu tova lá
Mas como é um pouco longe
Uma vez por ano eu quero ir la

Êêê Luanda, êêê Luandê

 

Komentowanie jest wyłączone